Arquivo

Posts Tagged ‘Ribeirão Preto’

Palestra: Marketing On-life

 

marketing-digital-politico-democracia

Muito boa tarde, honoráveis leitores!!!

No dia 25 de junho, o Senac Ribeirão Preto realizará a palestra Marketing On-life.

A ação, ministrada pelo publicitário Rafael Kiso, tem como objetivo apresentar como a tecnologia e a publicidade digital podem elevar a capacidade do marketing de tornar uma marca parte da vida conectada de seus consumidores.

Rafael Kiso é vice-presidente de Planejamento do grupo Focusnetworks de Marketing Digital, responsável por soluções que potencializam negócios e pela comunicação por meio das mídias sociais para médias e grandes empresas nacionais e internacionais. O publicitário é também sócio-fundador das empresas MídiaNext, agência digital, e a Interactive.

O Senac Ribeirão Preto fica na Av. Capitão Salomão, 2133 no Jardim Mosteiro, ao lado do Bosque Municipal Fábio Barreto. Informações podem ser obtidas pelo e-mail ribeiraopreto@sp.senac.br, ou pelo telefone 16 2111.1200.

Inscreva-se no site.

O evento acontecerá numa quarta-feira, dia 25/06/2014, das 19 às 22 horas.

Aproveitem o evento e tenham todos uma ótima e produtiva semana!

Fonte: SENAC

Economia: Ribeirão é 19ª cidade em consumo no País

Muito bom dia, nobilíssimos leitores. Não é costume do blog postar sobre economia, porém hoje irei abrir uma exceção para exaltar essa cidade que eu amo tanto.

Quem anda por Ribeirão, observa que é notória sua evolução economica e seu crescimento em ritmo absurdo. O que me enche de orgulho também me deixa muito apreensivo, pois anexo aos avanços sempre vêm os problemas de uma cidade grande que cresce sem um planejamento adequado, tais como trânsito, transporte coletivo, vagas em escolas, acesso à saúde, marginalização etc. Porém, esse não é o foco principal deste post, e sim o crescimento econômico de Ribeirão.

Ribeirão Preto ocupa o 19º lugar no ranking das cidades brasileiras com maior poder de consumo em 2011. É o que aponta estudo IPC Maps, da IPC Marketing Editora. Nos últimos três anos, a cidade ganhou posição na lista de participação nacional: 21º no ano passado e 28º em 2009.

Em valores, são quase R$ 13 bilhões em consumo em 2011, contra R$ 10,8 bilhões em 2010. Conforme o estudo, em 2010 as 50 cidades brasileiras que responderam por 45,8% do consumo nacional hoje têm a fatia de 43,9%. São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Belo Horizonte – tiveram participação menor.

O IPC Maps mostra que Ribeirão manteve a sexta posição em São Paulo. Por dois anos consecutivos, (2008 e 2009) a cidade manteve a sétima posição. Na comparação com 2010, Sorocaba foi a que mais se destacou e saltou da 30ª para a 26ª posição do ano passado até agora.

Em consumo per capita, Ribeirão Preto também ascendeu no levantamento de 2010 em comparação a 2011. No ano passado, o per capita anual urbano medido pele IPC na cidade foi de R$ 17.945,23, contra R$ 20.776,78 neste ano.

Os números consolidam a importância da classe média na economia por causa do aumento do poder de consumo. “A migração social e a expansão da renda mantêm evidente a participação dessa categoria na economia da cidade”, afirma Marcos Pazzini, diretor da empresa e responsável pelo estudo.

O levantamento mostra que a chamada classe A, a de maior poder aquisitivo, teve 59,9% de participação no potencial de consumo em 2010 e 53,4% em 2011. Já as classes B2 e C1 participaram com 31,9% no ano passado e agora 38,6% consumirão na cidade. As categorias C2, D e E, por causa da migração para a classe média, terão uma participação decrescente de 8,2% para 7,9%.

Informações de Jornal A Cidade.

Sigam @ribeiraopretano

Profissão Sucesso: Tecnologia da Informação

Olá caros leitores, ótima noite de terça-feira à todos! Hoje postarei um programa bastante interessante aqui da nossa região de Ribeirão Preto. Trata-se do Profissão Sucesso, exibido todo sábado às 12:15 hrs pelo SBT regional. Este programa exibido em 28 de março de 2009 retrata a área  e o perfil do profissional de TI, indicando onde e como se especializar, e dicas de comportamento e marketing pessoal. Vale a pena conferir:

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Links relacionados:

Pólo Industrial de Software de Ribeirão Preto (PISO)
Marketing pessoal
Profissão Sucesso

Celulares atingem auge na região de Ribeirão Preto

CelularO código de área (DDD) 16, que tem como principal praça Ribeirão Preto, teve o pior desempenho do Estado em relação ao crescimento de linhas móveis em um ano. De acordo com o último levantamento da Anatel, nas 74 cidades com o DDD 16, eram 2,5 milhões de linhas móveis, no mês passado, contra 2,1 milhões em agosto de 2008. Uma evolução de 21,8%, a menor entre os nove códigos de área operantes no estado de SP. A maior evolução, de 32,3%, foi registrada no DDD 12, que tem São José dos Campos como principal praça.

Em todo o estado, foram registradas 41,7 milhões de linhas móveis em agosto, 26% a mais em relação ao mesmo mês de 2008. O número de linhas de celular é de praticamente um por habitante, volume semelhante ao registrado no DDD 16, que tem dez celulares a cada nove pessoas. O crescimento menos acelerado na região de Ribeirão, em comparação com outras localidades, não espanta. E um dos motivos é o alto índice de linhas já existentes no código.

O que mais motivou o crescimento da telefonia móvel neste ano em São Paulo foi a entrada da Oi, que começou a operar em outubro do ano passado. As promoções da operadora atraíram muitos clientes que acabaram comprando uma linha extra para aproveitá-las. Consequentemente, isso aumentou muito o volume de novas linhas no mercado.

No DDD 16, a empresa não conseguiu alcançar um volume de market share (público ou fatia de mercado) tão grande quanto em outras localidades. De acordo com a Anatel, a região registrou o menor crescimento da empresa desde o início de sua atuação. Em outubro de 2008, eram 51,4 mil linhas, e no mês de agosto, 160,5 mil, uma evolução de 212%. No Estado, esse crescimento foi de 255%.

Celular já é necessidade

Mais que item de luxo, o aparelho celular se tornou também item de necessidade. Quem comemora são as operadoras. A Vivo, que em agosto alcançou a marca de 92 celulares para cada 100 habitantes na região de Ribeirão, enxerga o mercado de maneira positiva. A operadora reconhece que é uma oportunidade atuar no segmento em Ribeirão. Já a TIM disse que considera a participação de mercado importante, porém sempre priorizou a rentabilidade. A Claro, líder no mercado na região, não comentou os números. Apesar de menos acelerado em relação à outras localidades, a expansão da empresa foi significativa. Justamente pela participação das pessoas em promoções muitas vezes atraentes oferecidas pelas prestadoras.

Fonte: Gazeta de Ribeirão

%d blogueiros gostam disto: